Rua Domingos Façanha, 107 - Centro, Maranguape - Ceará | Fone: (85) 3341.0512

Paróquia Nossa Senhora da Penha

Maranguape - Ceará

(Rumo aos 169 anos de evangelização em nossa cidade)

“A defesa da água, é a defesa da vida”, diz Papa Francisco”.

quinta-feira, 22 de março de 2018

https://youtu.be/YHfqcHCjBZY

Hoje, 22 de março, é comemorado o Dia Mundial da Água. Esse tema foi assunto de um tuíte do Papa Francisco.

“A defesa da terra, a defesa da água, é a defesa da vida”, assinalou o Santo Padre na rede social.

 Francisco tem alertado para a possibilidade de uma “guerra mundial” por causa dos recursos hídricos, defendendo que a água é um direito “vital” de cada pessoa.

 “Pergunto-me se nesta terceira guerra aos bocados estaremos a caminho da grande guerra mundial pela água”, assinalou o Santo Padre em 2017, num encontro dedicado ao ‘direito humano à água’, na Academia Pontifícia das Ciências da Santa Sé.

:: Água que mata a sede

:: Economia de água: Dicas para evitar desperdícios

 “Mil crianças morrem todos os dias – mil, todos os dias – por causa de doenças ligadas à água, milhões de pessoas consomem água contaminada”, acrescentou.

 A encíclica ecológica ‘Laudato Si’, que lançou em 2015, dedica um ponto específico à “questão da água”, no qual o Papa recorda que “a pobreza da água pública” se verifica especialmente na África, onde “grandes setores da população não têm acesso a água potável segura”.

:: Educar para o cuidado com a Casa Comum

 “Um problema particularmente sério é o da qualidade da água disponível para os pobres, que diariamente ceifa muitas vidas”, alertava Francisco.

A Organização Mundial de Saúde (OMS) estima que as alterações climáticas “poderão ser responsáveis, todos os anos, por 250 mil mortes adicionais no mundo”.

 Atualmente, mais de 2 bilhões de pessoas tem de beber água de fontes inseguras.

 Mais de 80% do esgoto é despejado no meio ambiente sem tratamento.

Dia_Mundial_da_Agua_poluicao

A encíclica ambiental do Papa manifesta a oposição da Igreja à “tendência para se privatizar” a gestão da água, como se esta fosse uma “mercadoria sujeita às leis do mercado”.

 “Na realidade, o acesso à água potável e segura é um direito humano essencial, fundamental e universal, porque determina a sobrevivência das pessoas e, portanto, é condição para o exercício dos outros direitos humanos”, escreve.

 Em novembro de 2014, durante uma visita à sede da FAO, o Papa deixou um alerta: “A água não é grátis, como pensamos tantas vezes. Será o grave problema que poderá levar-nos a uma guerra”.

 Fórum Mundial da Água no Brasil

8_Forum_Mundial_da_Agua_

O Dia Mundial da Água que foi instituído há 26 anos pelas Nações Unidas, é assinalado hoje (22), em Brasília (DF), por chefes de Estado, ministros e especialistas, no Fórum Mundial da Água, que ocorre desde o dia 18 e encerra amanhã (23).

Este é o maior evento global sobre o tema água e é organizado pelo Conselho Mundial da Água. O encontro lançou nesta semana o Relatório Mundial das Nações Unidas sobre o Desenvolvimento dos Recursos Hídricos (World Water Development Report – WWDR).

:: Líderes de mais de 150 países estão no Fórum Mundial da Água

Nesta edição, o Relatório tem como foco as soluções baseadas na natureza (SbN) e defende que reservatórios, canais de irrigação e estações de tratamento de água não sejam os únicos instrumentos de gestão hídrica à nossa disposição.

“Precisamos de novas soluções na gestão dos recursos hídricos para superar os novos desafios da segurança hídrica causados pelo crescimento da população e pela mudança climática. Se não fizermos nada, em 2050, cerca de 5 bilhões de pessoas estarão vivendo em áreas com baixo acesso à água.”, declarou a diretora-geral da UNESCO.