Rua Domingos Façanha, 107 - Centro, Maranguape - Ceará | Fone: (85) 3341.0512

Paróquia Nossa Senhora da Penha

Maranguape - Ceará

(Rumo aos 169 anos de evangelização em nossa cidade)

Oitava Páscoa – Sexta-Feira

sexta-feira, 6 de abril de 2018

Primeira leitura (Atos 4: 1-12)

1 E falavam ao povo, quando os sacerdotes, o chefe da guarda do templo e os saduceus vinham a eles, 2 aborrecidos porque estavam ensinando o povo e anunciando na pessoa de Jesus a ressurreição dos mortos. 3 Eles colocaram as mãos sobre eles e os colocaram sob custódia até o dia seguinte, pois a tarde já havia caído. 
4 Contudo, muitos dos que ouviram a Palavra creram; e o número de homens chegou a cerca de 5.000. 
5 No dia seguinte, seus líderes, anciãos e escribas, 6 o Sumo Sacerdote Anás, Caifás, Jônatas, Alexandre e todos os que eram da linhagem dos sumos sacerdotes , reuniram-se em Jerusalém 7Eles foram colocados no meio e perguntaram: “Com que poder ou em cujo nome você fez isso?” 8 Então Pedro, cheio do Espírito Santo, disse-lhes: “chefes do povo e anciãos, 9 porque, por causa do trabalho feito em uma pessoa doente, somos hoje questionados por quem foi curado, 10 conhecemos todos vocês e todo o povo de Israel que tem sido pelo nome de Jesus Cristo, o Nazoreo, a quem você crucificou e a quem Deus ressuscitou dos mortos; pelo seu nome e não por qualquer outro aqui é apresentado saudável antes de você. 11 Ele é a pedra que vós, os construtores, menosprezastes e que se tornou a pedra angular. 12 Porque não há outro nome debaixo do céu dado aos homens pelo qual devemos ser salvos “.

– Palavra do Senhor.

– Graças a Deus.

Responsório (Ps 117,1-2,4,22-24,25,27a)

– A pedra que os arquitetos rejeitaram agora é a pedra angular

– A pedra que os arquitetos rejeitaram agora é a pedra angular

– Dê graças ao Senhor porque ele é bom, porque a sua misericórdia é eterna. Diga a casa de Israel: sua misericórdia é eterna. Diga os fiéis do Senhor: a sua misericórdia é eterna.

– A pedra que os arquitetos rejeitaram agora é a pedra angular. É o Senhor que fez isso, tem sido um claro milagre. Este é o dia que o Senhor fez: seja nossa alegria e nossa alegria.

– Senhor, nos dê a salvação; Senhor, nos dê prosperidade. Bem-aventurado aquele que vem em nome do Senhor, nós te abençoamos da casa do Senhor; o Senhor é Deus, ele nos ilumina.

Evangelho (João 21: 1-14)

– O Senhor esteja com você.

– Ele está no meio de nós.

– Proclamação do Evangelho de Jesus Cristo + de acordo com São João. 

– Glória a você, Senhor.

1 Depois disso, Jesus se manifestou novamente aos discípulos nas margens do Mar de Tiberíades. Ele se manifestou dessa maneira. 2 Simão Pedro, Tomé, chamado Gêmeo, Natanael, Caná da Galiléia, Zebedeu e mais dois dos seus discípulos. 3 Simão Pedro lhes diz: “Eu vou pescar.” Eles respondem: “Nós também vamos com você.” Eles foram e entraram no barco, mas naquela noite eles não pegaram nada. 
4 Quando amanhecera, Jesus estava na praia; mas os discípulos não sabiam o que era Jesus. 5 Jesus diz-lhes: «Rapazes, não tendes peixe?» Eles responderam: «Não» » 6Ele disse a eles: “Lance a rede à direita do barco e você a encontrará.” Eles a expulsaram, então, e eles não puderam arrastá-la embora por causa da abundância de peixes. 7 O discípulo a quem Jesus amava então diz a Pedro: “É o Senhor”, vestiu o vestido – porque estava nu – e atirou-se ao mar. 8 Os outros discípulos vieram no barco, arrastando a rede com o peixe; porque não estavam distantes da terra senão cerca de duzentos côvados. 9 Assim que você pula no chão, vê algumas brasas, um peixe e pão. 10 Disse-lhes Jesus: Trazei alguns dos peixes que acabaste de apanhar. 11 Subiu Simão Pedro, e encostou a rede ao chão, cheia de grandes peixes: cento e cinquenta e três. E, apesar de serem tantos, a rede não foi quebrada.12Jesus disse-lhes: “Vem e come.” Nenhum dos discípulos ousou perguntar-lhe: “Quem és tu?”, Sabendo que era o Senhor. 13 Então Jesus vem, pega o pão e dá a ele; e também o peixe. 14 Esta já era a terceira vez que Jesus se manifestou aos discípulos depois de ressuscitar dos mortos.

— Palavra da Salvação.

— Glória a vós, Senhor.